Design Thinking e inovação: O que eles têm em comum?

28 de Junho de 2013 Por SAP Blogs 0

Não restam dúvidas de que o Design Thinking está diretamente vinculado ao conceito de inovação, mas na hora de explicar como, e dado que não existe uma definição precisa  sobre o assunto, as opções são múltiplas.

Design Thinking e inovação

Patrick Glinski, especialista em desenho e planificação, apresenta quatro formas de definir este conceito. Cada uma se relaciona de uma maneira diferente com a inovação:

1)      É aquele que utiliza uma pessoa capaz de formar ideias através da intuição. O resultado são pensamentos originais, o que incentiva a inovação;

2)      É uma maneira de ver o mundo centrando-se no ser humano. Através da resolução de problemas baseada nas necessidades das pessoas, são criadas perspectivas alternativas que conduzem à novas oportunidades para a inovação;

3)      É uma série de métodos que permite aos designers comunicar melhor as ideias. Os conceitos inovadores costumam ser difíceis de serem compreendidos pela maioria das pessoas, e, por isso, utilizar a lente de um designer durante a comunicação pode melhorar a sua compreensão. Ou seja, a inovação se encontra na comunicação.

4)      É uma série de passos para guiar o processo de inovação. Isto é, as atividades relacionadas à criação de uma ideia nova. Neste caso, o Design Thinking é uma inovação em si.

Seja qual for a relação entre ambos conceitos, a conexão está sempre presente. O Design Thinking é aplicável em todos os níveis para criar ideias e resolver problemas de forma criativa. No âmbito empresarial, não se limita a nenhuma linha de negócio, nem a uma indústria específica, mas fomenta a criação de novos produtos e serviços, melhora os processos e aumenta a produtividade das operações internas. Em síntese, tem o potencial de transformar a todos e cada um dos setores do mundo dos negócios.

Tags: , , , ,

Deixe uma resposta