Soccer team in a huddle

Sinal verde para o SAP Leonardo como o caminho para a transformação digital

14 de Junho de 2017 Por Robin Meyerhoff 0

Na recente conferência SAPPIRE NOW, a SAP apresentou um novo sistema para inovação digital, com o intuito de ajudar os clientes a rastrear iniciativas de negócios digitais.

Esse conjunto de ferramentas, chamado SAP Leonardo, ajudará na criação de aplicativos inteligentes e inclui tecnologias, como aprendizado de máquina, Internet das Coisas, blockchain e tecnologias de funções de analíticas – tudo isso na SAP Cloud Platform.

A SAP anunciou inovações em produtos e iniciativas de parceiros em todo o portfólio SAP Leonardo e forneceu aceleradores do SAP Leonardo para quatro setores, os quais fornecem planos de inovação para varejo, bens de consumo, produção e esportes e entretenimento.

Na apresentação, o SAP Leonardo causou um burburinho – desde a demonstração imersiva no centro de exibições até a demonstração que analisou as roupas dos participantes e os acessórios sugeridos. Aqui está o que os clientes e formadores de opinião disseram sobre a importância do SAP Leonardo.

Holger Mueller é vice-presidente e analista principal da Constellation Research, especializado em aplicativos da próxima geração. Segundo ele, atualmente as empresas têm uma forma totalmente diferente de fazer negócios e interagir, devido à explosão de Big Data e à maneira de gerenciá-los, além do aumento correspondente das redes neurais de autoensino.

“Isso é um experimento para as empresas. Mas elas não podem fazer testes em todas as áreas, por isso escolheram onde apostar e trabalhar, deixando intocadas outras áreas”.

Ele continua, “Para clientes SAP isso significa poder executar o SAP S/4HANA nas áreas que não desejam mexer.  O SAP Leonardo destina-se a clientes que desejam experimentar novas tecnologias e realmente inovar processos de negócios, talvez até revolucionar o setor. Se esse experimento falhar – e espera-se – eles ainda podem retornar ao SAP S/4HANA”.

A National SCP é uma empresa de gestão de cadeia de suprimentos que atende às franquias Dunkin’ Donuts em todo o mundo. Chris Lafaire é vice-presidente de relacionamento empresarial e, segundo ele, o “SAP Leonardo é realmente interessante e criativo”.

Apesar de não ter certeza de como o SAP Leonardo pode funcionar no setor dele, Chris ficou impressionado principalmente com a demonstração do uso do SAP CoPilot (durante a palestra principal de Hasso Plattner, Presidente do Conselho de supervisão da SAP) junto com robôs.  “Eu realmente gostei de como os robôs podem ser integrados para responder a perguntas, o que pode ser um grande benefício para nós.” Ele vê os benefícios para os funcionários, pois recentemente houve a fusão de cinco empresas em uma, mas também para os clientes da Dunkin Donuts que podem desejar saber quantas calorias determinado donut tem.

Alguns clientes já estão usando as tecnologias SAP Leonardo. Stefan Casslitter, diretor geral de TI da Província do Tirol do Sul, na Itália, trabalhou com a SAP em um projeto de blockchain para simplificar o engajamento de cidadãos e apoiar iniciativas de governança digital.

Atualmente, os cidadãos precisam preencher formulários com informações básicas sempre que interagem com departamentos públicos. Stefan embarcou num projeto com a SAP, que pretende usar a tecnologia blockchain para que os cidadãos insiram informações pessoais apenas uma vez. Essas informações são posteriormente verificadas por meio de blockchain, e funcionários autorizados do governo em todo o Tirol do Sul podem facilmente acessá-las.

Segundo Stefan, “O uso da SAP Cloud Platform é muito interessante e permite que tenhamos uma arquitetura dimensionável. Criamos essa prova de conceito em blockchain em três meses. E sentimos que ela pode trazer grandes benefícios a governos de todos os lugares”.

Ele continua, “Com esse projeto de prova de conceito de blockchain, eu descobri uma SAP totalmente nova, mais parecida com uma startup. Ela foi flexível, muito rápida na implementação e nas respostas a nossas perguntas e eu vi uma SAP muito diferente, mais empática”.

Bruce Petillo é diretor de marketing da Insight, uma empresa de médio porte do setor de soluções tecnológicas. A Insight está passando por uma transformação digital nas organizações de vendas e marketing. Bruce analisou como a tecnologia de aprendizado de máquina da SAP baseada na plataforma SAP Hybris está mudando as características dos engajamentos de vendas da Insight e tornando-as mais significativas para os clientes.

Ele explicou, “Normalmente nosso processo de vendas era muito transacional. Um cliente ligava e pedia alguma coisa. Agora, com nossa plataforma de ecommerce e aprendizado de máquina, não precisamos de representantes de vendas no início do processo, eles podem entrar mais tarde no circuito e, com isso, podem se engajar em conversas mais significativas com os clientes. Em vez de se concentrar em transações, eles podem discutir serviços e soluções que resolvam os problemas de negócios dos clientes, proporcionando uma experiência ainda melhor.”

À medida que os clientes e os líderes de vanguarda lidam com as implicações dessas novas tecnologias e com o aumento da transformação digital, vale a pena considerar essa citação de Leonardo da Vinci, “Fiquei impressionado com a urgência de fazer. Não basta saber, precisamos aplicar. Não basta estar disposto, precisamos fazer”.

Deixe uma resposta