Coca-Cola e SAP aliam-se para criar o mais avançado e completo modelo de distribuição no sector das bebidas

April 14, 2004 by SAP News 0

O maior distribuidor de bebidas mundial e a SAP unem esforços numa iniciativa estratégica, com o objectivo de desenvolver soluções móveis que permitam a optimização do desempenho operacional da indústria do sector de bebidas.

LisboaA SAP e a Coca-Cola acabam de anunciar uma iniciativa estratégica para o desenvolvimento de uma nova geração de soluções, com o objectivo de melhorar a distribuição directa nas lojas, o serviço de vendas em máquinas de self-service, bem como os serviços de assistência técnica a equipamentos nas indústrias de bebidas e de outros produtos de consumo. Os novos desenvolvimentos incluirão soluções móveis que visam apoiar e melhorar o desempenho destas linhas de negócio. O software, baseado nas soluções mySAP Business Suite, facilitará a interacção entre as vendas e optimizará as funções de logística e os serviços a clientes, reduzindo os custos associados.

Esta parceria estratégica combina o know how da Coca-Cola no desenvolvimento e operação no sector das bebidas, com as capacidades de desenvolvimento de software avançado por parte da SAP que, aliados, permitirão a criação de uma solução com características únicas, com o objectivo de rentabilizar o processo de distribuição nas lojas, desde a sua encomenda até ao seu pagamento.

Nesta iniciativa de desenvolvimento com o maior engarrafador de bebidas não-alcoólicas do mundo, a SAP estenderá a actual solução de distribuição directa. Através deste processo de optimização da actual solução, a Coca-Cola, aumentará o nível dos seus processos – ganhos através de uma experiência de décadas de gestão dos serviços de entrega directa – para agora desenvolver as capacidades do mySAP Business Suite.

A SAP comercializará estas novas capacidades e funcionalidades, aumentando assim o seu apoio a grandes empresas com diversas linhas de produtos, para as ajudar a melhorar a execução do merchandising, dos preços e promoções, a incrementar a quota de mercado, a aumentar a satisfação do cliente e, ainda, a reduzir os custos de logística. Este acordo de desenvolvimento procura criar o mais avançado e completo modelo de distribuição no sector das bebidas e de produtos de consumo.

De acordo com Léo Apotheker, Executive Board Member do Grupo SAP, "num ambiente onde o aumento crescente do consumo e da satisfação do cliente é a chave para a sobrevivência e crescimento de qualquer empresa, as empresas de produtos de consumo devem estar aptas para a satisfação das exigências e das requisições de serviços, atempadamente e o mais eficazmente possível, correspondendo às expectativas".

A SAP e a Coca-Cola Enterprises focarão o seu trabalho na integração das actividades móveis e de back-end, baseando-se na plataforma aplicacional e de integração aberta, SAP NetWeaver, para permitir o SAP Mobile Infrastructure. As novas capacidades permitirão à Coca-Cola uma melhoria significativa no suporte que fornece aos seus associados de mercado e aos seus clientes directos, no processo de comprometimento com os consumidores.

De acordo com Pat Mannelly, Vice-Presidente Sénior e Chief Financial Officer (CFO) da Coca-Cola, "esta iniciativa de desenvolvimento ajudará a Coca-Cola a utilizar melhor as informações recolhidas nas suas operações diárias, com vista à melhoria dos serviços prestados aos nossos clientes e, por outro lado, a melhorar a eficiência de execução e crescimento do nosso negócio". O mesmo responsável acrescenta ainda que a "SAP oferece-nos mais de trinta anos de experiência na indústria, suporte global, estabilidade financeira e um significativo retorno, o qual já estamos a constatar através da utilização das soluções mySAP Business Suite".

A relação da Coca-Cola com a SAP é de longo prazo e envolve a implementação das soluções mySAP Business Suite, incluindo o mySAP Customer Relationship Management (mySAP CRM), o mySAP Supply Chain Management (mySAP SCM), as soluções da SAP para negócios móveis, e o mySAP ERP. A escolha da Coca-Cola pela SAP para esta aliança foi precedida por um processo de criteriosa avaliação.

Entrega directa nas lojas, vendas em máquinas de self-service e assistência técnica a equipamentos

O processo de vendas directas (DSD), o serviço de vendas em máquinas de self-service e a assistência técnica de equipamentos são as componentes chave dos processos de negócio dos engarrafadores. Através de uma integração plena dos sistemas de back-end com os aparelhos móveis, os agentes de vendas directas e o staff de manutenção do equipamento podem rapidamente – e mais eficazmente – responder a um considerável número de exigências dos clientes.

Concretamente, o processo DSD da SAP ajuda as empresas a melhorar a sua performance logística, bem como a analisar e integrar os dados, praticamente, em tempo real, desde as vendas até à liquidação. Ao eliminar a necessidade de registos em papel, assegurando ao mesmo tempo as devidas liquidações e minimizando o espaço de carga até então desperdiçado, o DSD aumenta a produtividade das entregas e reduz os custos. Através deste processo, as empresas podem também identificar, adquirir e gerir, lucrativamente, novos clientes e oportunidades de mercado. A iniciativa com a Coca-Cola resultará numa melhoria das capacidades de gestão das tabelas de preços e das promoções. Além disso, as capacidades de merchandising e de prospecção de clientes serão endereçadas com novos e melhores suportes de aplicações móveis.

Por sua vez, as vendas em equipamento de self-service consiste nos processos relacionados com as vendas e serviços de abastecimento das máquinas de self-service, incluindo suporte móvel para o upload directo e download de informação de vendas. As capacidades deste tipo de serviço permitem gerir a contabilidade do dinheiro colectado, obtido pelas vendas de produtos através destas máquinas.

Com os melhoramentos efectuados pela SAP nos serviços de assistência técnica a equipamentos, as empresas de consumo alimentar e de bebidas podem tornar, significativamente, mais eficientes, as manutenções periódicas e de reparações, assim como o inventário do equipamento existente.

Tags: