SAP revoluciona processos de negócio na Compal

April 7, 2005 by SAP News 0

O projecto de modernização dos sistemas na Compal e na Nutricafés vai permitir ganhar tempo, uniformizar processos e aumentar a criatividade das empresas do Grupo Nutrinveste.

LisboaA SAP Portugal foi escolhida pelo Grupo Nutrinveste para modernizar os sistemas de informação da Compal e da Nutricafés. Ambas as empresas já possuíam tecnologia de outros fornecedores, como Siebel, BAAN e Oracle, mas o Grupo precisava de reduzir ao mínimo as adaptações e desenvolvimentos das aplicações standards, além de que tinha necessidade de adaptar e uniformizar os processos às melhores práticas de negócio.

A escolha da SAP deveu-se essencialmente a estes objectivos e à forma como a empresa de software olha para o futuro das aplicações em termos estratégicos e ao apoio que presta quer em Portugal quer em Espanha.

O implementador escolhido para o projecto foi a Deloitte devido à sua vasta experiência no mercado dos bens de consumo (já tinha sido responsável pelo projecto SAP na Sovena, empresa do mesmo Grupo), à vasta equipa de consultores SAP que possui e à reputação que angariou pelas inúmeras e bem sucedidas implementações SAP no mercado nacional.

O projecto, que tem o nome de “Iniciativa Dialog” e teve início no dia 1 de Abril de 2004, traduziu-se na implementação de várias componentes da solução mySAP Business Suite, nomeadamente, SAP NetWeaver (SAP Business Information Warehouse), SAP Strategic Enterprise Management, mySAP SCM (gestão da cadeia de abastecimento) e mySAP CRM (gestão do relacionamento com clientes). A instalação destas soluções abrange diversas áreas de negócio da Compal, nomeadamente Vendas, Marketing, Cadeia de Abastecimento e Serviço ao Cliente.

Na área de Vendas e Marketing, um dos elementos inovadores neste projecto é a componente Trade Promotion Management (TPM). Trata-se da primeira instalação desta componente em Portugal e que se traduz na incorporação dos processos de negócio, referentes à gestão de campanhas, produtos e clientes, que vai permitir uma melhor análise de toda a informação gerada. Os sistemas instalados vão incidir nas áreas de Produtos e Mercados, nomeadamente, na gestão e comunicação de marcas, plano de marketing, e estudo e análise de mercado. A negociação, preparação da venda e o processamento de encomendas estão incluídos na área de Vendas.

No que concerne à Cadeia de Abastecimento, as soluções SAP pretendem conciliar a logística de produto acabado, a gestão de transportes, distribuição e, ainda, a facturação. Já na área de Serviço ao Cliente, a solução está intimamente relacionada com a assistência técnica.

Para a Cadeia de Abastecimento, as soluções adoptadas vão actuar em cinco áreas de trabalho. Na área do Planeamento, a solução permitirá uma gestão mais eficiente, uma vez que terá em conta a execução de plano, quer a médio quer a curto prazo (nesta área, pretende-se alcançar, também, uma optimização da cadeia logística). Na área das Compras, o planeamento e negociação, a requisição e compras, a verificação de facturas e pagamentos são tidos em conta para uma melhor gestão dos processos negociais. Sendo também fundamental uma harmonização das Compras com a área da Logística, a solução SAP vai permitir a conciliação da logística de matérias-primas e de produtos semi-acabados, bem como a verificação da qualidade. A quarta área de trabalho da solução incide na execução, especificamente na programação de produção, seu controlo e, ainda, na verificação e planeamento da qualidade.

Com a “Iniciativa Dialog”, a Compal e a Nutricafés passam, assim, a ter um sistema integrado que suporta os seus processos de negócio e permite ganhar tempo para as tarefas criativas, para além de possibilitar uma abordagem sistemática à inovação e uma especial capacidade de execução.

Para João Cotrim de Figueiredo, Vice-Presidente da Compal, "um bom sistema de informação na área do grande consumo deverá ter mecanismos de indicação de procura e previsões que nos permitam gerir eficientemente as encomendas dos clientes, assim como fazer o re-planeamento ou evitar roturas. Estes são os principais problemas com que nos deparamos, por isso, estamos certos que, com o Dialog, respondemos às dificuldades mais frequentes da cadeia de abastecimento e reduzimos ao mínimo os eventuais problemas em três vertentes distintas: clientes, fornecedores e máquinas." O mesmo responsável acrescenta "além das muitas vantagens operacionais, este sistema permitirá ganhar tempo para a criatividade, sendo esta a matéria-prima para que se chegue verdadeiramente à inovação."

Para Joaquim Jesus Santos, Director-Geral da SAP Portugal "este projecto vem conciliar o nosso know-how na área dos produtos de consumo com a nossa experiência enquanto player destacado na indústria das TI. Trata-se de um projecto de grande escala que pretende trazer modernidade e uniformização aos processos de negócio. A implementação de aplicações que possibilitam a total integração da informação permitirá à Compal não só melhor analisar o mercado, como também reforçar a sua posição de liderança face à concorrência".

A "Iniciativa Dialog" terá a duração de 15 meses, prevendo-se que a Compal e a Nutricafés estejam em pleno funcionamento, com as novas funcionalidades, em Junho de 2005.

Sobre a Nutrinveste
A Nutrinveste S.G.P.S é um dos principais grupos portugueses do sector agro alimentar, líder nos segmentos dos óleos alimentares, azeites, sumos de fruta, águas gaseificadas e cafés. Entre as principais empresas controladas pelo universo Nutrinveste estão a Compal, a Tagol, a Sovena Portugal a Sovena Ibérica e a Nutricafés. Cada uma das empresas possui marcas líderes como: Compal, B! e Um Bongo; águas Frize; óleos Fula, azeite Oliveira da Serra e os cafés Chave d´Ouro e Nicola.

Sobre a Compal
A Compal, SA é uma empresa detida a 100% pela Nutrinveste SGPS, holding alimentar do Grupo Jorge de Mello. A Compal desenvolve a sua actividade na produção e comercialização de produtos de valor acrescentado. Em 2004, a Compal registou um crescimento de 14,5%, a que correspondem Vendas Líquidas de 157 Milhões de Euros.Num estudo realizado pela Deloitte & Touche Tohmatsu e publicado na revista ‘Worldlink’, a Compal é apontada como uma das 100 melhores PME em termos de inovação a nível internacional.

Tags: , , , , ,