SAP facilita pagamentos pan-europeus

November 14, 2006 by SAP News 0

Melhorias no mySAP ERP ajudam os clientes a beneficiar da Single Euro Payments Area (SEPA), que promove o aumento da transparência e a melhoria do processamento no fluxo de pagamentos.

As novas normativas em torno dos pagamentos electrónicos em Euro entrarão em vigor em 2008 e terão ao nível dos negócios um impacto similar à introdução da moeda única.

LisboaA SAP AG (NYSE: SAP) revela que vai introduzir melhorias na sua aplicação mySAP ERP, com vista a ajudar as empresas e as instituições bancárias de todo o mundo a beneficiarem da futura Área Única de Pagamentos em Euro (Single Euro Payment Area ou SEPA), que tem por objectivo aumentar a eficiência dos pagamentos electrónicos transfronteiriços dentro da Europa. Dando continuidade à sua acelerada estratégia de inovação no sentido de ajudar os clientes a beneficiarem da mais moderna e inovadora tecnologia, a SAP disponibilizará estas melhorias funcionais aos seus clientes através de extensões à última versão da sua aplicação mySAP ERP.

Embora os estados membros da União Europeia (UE) na “zona euro” tenham uma moeda única, cada mercado doméstico dentro da UE continua marcado pelas complexas e dispendiosas infra-estruturas locais de pagamentos que impedem o livre movimento de pagamentos internacionais. A União Europeia cita estudos que estimam que os custos de transacção com o actual sistema são equivalentes a valores que rondam entre os 2,5 e os 3% do produto interno bruto total de todos os países membros (GDP)¹. A iniciativa SEPA visa harmonizar as condições, os direitos e as obrigações para mais de 450 milhões de cidadãos e para todas as empresas que efectuam transacções financeiras nos 25 estados membros da UE, nos três países da Área Económica Europeia (Islândia, Liechtenstein e Noruega) e na Suiça. Esta nova norma entrará em vigor no dia 1 de Janeiro de 2008, normalizando os pagamentos transfronteiriços em Euro para que sejam tão rápidos, seguros e eficientes em termos de custos, como os pagamentos domésticos dentro dos 29 países da SEPA.

O pacote SEPA da SAP será desenhado para ajudar as empresas a satisfazer os desafios do enquadramento da SEPA, como definidos pelo Conselho Europeu para Pagamentos (European Payment Council – EPC), melhorando o processamento directo e permitindo uma maior transparência no fluxo de pagamentos. A SAP planeia disponibilizar este pacote em meados de 2007 para os clientes SAP que, actualmente, têm contratos de manutenção SAP e que usam a aplicação de enterprise resource planning (ERP) da SAP, nas versões SAP R/3 Enterprise ou posterior. O pacote é uma de várias melhorias planeadas pela SAP no que diz respeito ao seu ERP e à funcionalidade de software bancário da SAP para ajudar os clientes de todo o mundo a reduzir custos e a simplificar os processos bancários corporativos.

A estandardização aumenta benefícios ao nível do negócio
O pacote SEPA permitirá processos de pagamentos transfronteiriços mais eficientes e menos onerosos, ao suportar os novos e mais importantes esquemas de pagamentos ISO 20022, como definido nas regras para SEPA do EPC. Os clientes SAP estarão habilitados a gerar estas mensagens directamente a partir do seu sistema ERP, sem terem de implementar middleware adicional para a conversão dos dados. O software será desenhado para suportar os esquemas de pagamento, incluindo o recentemente criado débito directo pan-europeu, as ordens de pagamentos e as mensagens de confirmação do banco. Para além disso, a SAP disponibilizará um componente para obrigações bancárias que poderá ser usado tanto pelas empresas como pelos bancos para gerir todo o ciclo de vida das autorizações dos devedores para iniciar as cobranças.

Como forma de apoiar ainda mais os clientes afectados pela iniciativa SEPA, a SAP disponibilizará funcionalidades adicionais ao mySAP ERP 2005, que incluirão o SAP Bank Relationship Management, uma aplicação que visa aumentar a transparência do fluxo de pagamentos e a conformidade das transacções de pagamentos corporativos. Este componente também poderá aceitar e processar a entrada de relatórios sobre o estado dos pagamentos ISO 20022, bem como outros esquemas de mensagens. À medida que a SEPA prevê um novo método de transferência de dados para pagamentos massivos (SWIFT FileAct), a SAP vai também disponibilizar o SAP Integration Package for SWIFT, que permite uma integração entre o mySAP ERP e a infra-estrutura SWIFT.

“A iniciativa SEPA para criação de uma infra-estrutura normalizada de pagamentos através da Europa vai ter um impacto similar ao da introdução do euro”, afirma Thomas Balgheim, vice-presidente sénior, Serviços Financeiros da SAP AG., frisando que esta iniciativa “vai alterar significativamente a forma como as empresas e os bancos fazem negócios. Como parte da estratégia da SAP de oferecer mais rapidamente inovação aos seus clientes, as melhorias no mySAP ERP vão permitir uma rápida adaptação dos nossos clientes, permitindo-lhes beneficiar de todas as vantagens da SEPA, tais como cash flow melhorado e redução de custos.”

¹ “Anexo à proposta para a Directiva do Parlamento Europeu e do Conselho de Serviços de Pagamento no Mercado Interno, IMPACT ASSESSMENT,” COM (2005) 603; Dezembro 2005.

Tags: , ,