SAP Apresenta Estratégia Global Para Liderança em Sustentabilidade

September 29, 2011 by SAP News 0

Director-Geral da SAP em Portugal Participa na Iniciativa Greenfest

LisboaA estratégia global de sustentabilidade da SAP gerou poupanças de mais de 185 milhões de euros entre o início de 2008 e o fim do primeiro semestre de 2011. Estes e outros dados, bem como a estratégia que tornou possível a liderança da SAP em sustentabilidade no sector do software, serão revelados pelo Engº Paulo Carvalho, Director-Geral da SAP em Portugal, na Conferência “Tecnologia, Inovação e Sustentabilidade”, a ter lugar amanhã, dia 30 de Setembro, a partir das 14h30, no âmbito da iniciativa Greenfest, a ter lugar no Centro de Congressos do Estoril.

No vector da sustentabilidade ambiental, os números de 2010 mostram que a SAP já reduziu as suas emissões anuais de gases de efeito de estufa em 25% desde 2007, continuando na rota estabelecida para, em 2020, atingir o nível de emissões que tinha em 2000, ou seja, uma redução de 64%.

“A SAP procura provar, pelo exemplo, e pelos resultados da aplicação das suas soluções nas empresas, que a sustentabilidade, nas vertentes económica, ambiental e social, deve ser central em qualquer estratégia empresarial, independentemente do contexto económico,” refere Paulo Carvalho. “Procuramos demonstrar que a sustentabilidade não se traduz numa desvantagem competitiva, muito pelo contrário, é uma oportunidade para cortar desperdício e para aumentar a rentabilidade a curto e a médio prazo, com o auxílio das mais recentes tecnologias.”

Para a SAP, a sustentabilidade é a gestão integrada das oportunidades e dos riscos ambientais, sociais e económicos, de forma a impulsionar a rentabilidade da empresa no curto e no longo prazo. Neste contexto, a SAP tem vindo a afirmar-se como uma empresa líder nestas matérias, capaz de aconselhar os decisores sobre a prossecução de uma estratégia de sustentabilidade, que não só contribua para a melhoria do Ambiente, como também contribua para a rentabilidade e a viabilidade a longo prazo das empresas.

Alguns exemplos dessa orientação estratégica da SAP:

  • A SAP ergueu a sustentabilidade à categoria de prioridade estratégica com objectivos de longo-prazo e mobilizou mais de 500 colaboradores em todas as linhas de negócio para este objectivo, incluindo a nomeação de 160 “campeões da sustentabilidade” com a missão de mudar a mentalidade e a cultura dentro da SAP.
  • Conseguiu uma redução de 25% na emissão de gases de efeito de estufa em 2010 e obteve poupanças estimadas em 185 milhões de dólares através de iniciativas internas, nomeadamente investimentos em projectos de eficiência energética e de redução de emissões de carbono, mudanças no comportamento dos colaboradores e maior utilização de electricidade proveniente de fontes renováveis (de 16% em 2009 para 48% em 2010).
  • Trouxe para o mercado, melhorou ou desenvolveu soluções tecnológicas inovadoras no domínio da sustentabilidade em áreas como a gestão da sustentabilidade; gestão das emissões de carbono; gestão de riscos ambientais, de saúde e segurança no trabalho. As soluções SAP de gestão empresarial foram dotadas de novas capacidades nesta área e foi desenvolvido um conjunto notável de boas práticas nesta matéria.
  • Está a desenvolver e a trabalhar com um ecossistema de parcerias nesta área, que inclui já para cima de 100 entidades a trabalhar com milhares de clientes.
  • Estabeleceu o objectivo de, em 2017, contar na sua força de trabalho com 25% de colaboradores do género feminino em cargos de gestão, depois de em 2010 ter registado um valor correspondente a 18.2%.
  • Está a apoiar a construção de melhores comunidades, onde as necessidades básicas das populações sejam colmatadas, onde a educação impulsione a inovação e onde o desenvolvimento económico seja uma realidade. A SAP pretende atingir um milhão de vidas, assegurado por 100 mil horas de trabalho de voluntariado e pelo apoio a um milhar de organizações não-lucrativas em 2011.

Para Paulo Carvalho, “em Portugal, as empresas líderes, ou que têm essa ambição, já detectaram a necessidade de actuar para antecipar e gerir a oportunidade produzida quer pelo impacto de novas leis e regulamentações, quer pela escassez progressiva de matérias-primas e energia ou, ainda, pelo incremento do sentido público de responsabilidade social.”

O relatório de Sustentabilidade da SAP está sempre disponível numa plataforma interactiva online (em http://www.sapsustainabilityreport.com/), que permite a qualquer interessado conhecer, monitorizar e discutir o desempenho social, económico e ambiental da empresa.

Tags: