SAP Anuncia Melhor Desempenho de Sempre No Segundo Trimestre – Receitas de Software Superiores a Mil Milhões de Euros

July 24, 2012 by SAP News 0

  • No segundo trimestre de 2012 as receitas de software cresceram 26% para 1.059 milhões de Euros (19% a câmbio constante), impulsionadas por um crescimento de dois dígitos em todas as regiões;
  • Forte crescimento das principais áreas de inovação: SAP HANA contribui com 85 milhões de Euros, Mobilidade com 54 milhões de Euros e a Cloud com 69 milhões de Euros;
  • Receitas não-IFRS de software e de serviços relacionados com software do segundo trimestre de 2012 aumentaram 21% para 3,14 mil milhões de Euros (15% a câmbio constante);
  • Lucros operacionais não-IFRS do segundo trimestre aumentaram 15% para 1,17 mil milhões de Euros (8% a câmbio constante);
  • Ganhos por Acção não-IFRS aumentaram 19% para 0,70 Euros;
  • SAP reitera as previsões para o ano de 2012.

LisboaA SAP AG (NYSE: SAP) anunciou hoje os seus resultados financeiros para o segundo trimestre de 2012 finalizado a 30 de Junho.

A SAP atingiu receitas de software recorde no segundo trimestre de 2012, superiores a mil milhões de Euros. Todas as regiões apresentaram crescimento de dois dígitos nas receitas de software. A procura pelas novas categorias de produtos da SAP continua a acelerar: o impulso da Cloud continua com um crescimento de 112% em 12 meses, com a facturação de subscrições novas e de upsell para a SuccessFactors numa base independente. A forte combinação da SAP com a SuccessFactors está a permitir à empresa acelerar a sua estratégia para se tornar no fornecedor líder da cloud. A SAP registou 85 milhões de Euros em receitas de SAP HANA, o que coloca a empresa no caminho para cumprir as previsões para todo o ano de pelo menos 320 milhões de Euros. As receitas na área da mobilidade foram de 54 milhões de euros e sustentam a SAP para cumprir as previsões para todo o ano de 220 milhões de Euros. A SAP também obteve uma tracção significativa nos mercados estratégicos, com os serviços financeiros e o retalho a crescerem, ambos, mais de 60 por cento em receitas de software, e um crescimento sólido nos sectores industriais que cresceram mais de 20 por cento em receitas de software.

Destaques Financeiros – Segundo Trimestre de 2012

Second Quarter 20121)

IFRS

Non-IFRS2)

€ million, unless otherwise stated

Q2 2012

Q2 2011

% change

Q2 2012

Q2 2011

% change

% change const. curr.

Software

1,059

838

26

1,059

838

26

19

Support

2,013

1,737

16

2,014

1,745

15

10

Cloud subscriptions and support

52

4

1,200

69

4

1,625

1,450

Software and software-related service revenue

3,124

2,579

21

3,142

2,587

21

15

Total revenue

3,898

3,300

18

3,916

3,308

18

12

Total operating expenses

−2,977

−2,443

22

−2,743

−2,289

20

14

Operating profit

921

857

7

1,173

1,019

15

8

Operating margin (%)

23.6

26.0

−2.4pp

30.0

30.8

−0.8pp

−1.2pp

Profit after tax

661

588

12

831

703

18

Basic earnings per share (€)

0.55

0.49

12

0.70

0.59

19

Number of employees (FTE)

60,972

54,043

13

N/A

N/A

N/A

N/A

1) All figures are unaudited.

2) For a detailed description of SAP’s non-IFRS measures see Explanation of Non-IFRS Measures online. For a breakdown of the individual adjustments see page F8 in the appendix to this press release.

“A nossa estratégia de inovação focalizada nos clientes está a fornecer um valor de negócio excepcional aos nossos clientes e a permitir à SAP registar resultados recorde num ambiente macroeconómico incerto”, disseram os Co-CEOs da SAP, Bill McDermott e Jim Hagemann Snabe. “A SAP destaca-se na sua capacidade de disponibilizar aos seus clientes inovações na cloud, na mobilidade e na computação in-memory, em acréscimo às suas soluções nucleares, já comprovadas, consistentes e estáveis. Continuaremos a fornecer soluções inovadoras e a permanecer alinhados para alcançar os nossos objectivos para 2015”.

“Atingimos o nível superior do intervalo de projecção das receitas de software do segundo trimestre e estamos no ponto médio do intervalo de projecção das receitas de software e de serviços relacionados com software”, disse o CFO da SAP, Werner Brandt. “ Com este desempenho na primeira metade de 2012 e o nosso compromisso com a excelência operacional estamos a perseguir os nossos objectivos de 2012 – em linha com os nossos objectivos para 2015”.

Perspectivas de Negócio

A SAP reitera as seguintes previsões para o ano de 2012:

  • A empresa espera que em 2012 as receitas não-IFRS de software e serviços relacionados com software cresçam entre 10% e 12% a uma taxa de câmbio constante (em 2011: 11,35 mil milhões de Euros). Isto inclui uma contribuição até dois pontos percentuais provenientes do negócio da SuccessFactors.
  • A empresa espera que em 2012 o lucro operacional não-IFRS se situe entre os 5,05 mil milhões de Euros e os 5,25 mil milhões de Euros a uma taxa de câmbio constante (em 2011: 4,71 mil milhões de Euros). Prevê-se que os lucros operacionais não-IFRS para 2012, excluindo a SuccessFactors, sejam similares.
  • Em 2012, a empresa antevê uma taxa de imposto efectiva IFRS de 26,5% – 27,5% (2011: 27,9%) e não-IFRS de 27,0% – 28,0% (2011: 26,6%).

Mais informações em www.sap.com/investor.

Tags: