SAP Anuncia Resultados Anuais de 2012

January 23, 2013 by SAP News 0

LisboaA SAP AG anuncia hoje os resultados financeiros preliminares para o quarto trimestre do ano, que terminou em 31 de Dezembro de 2012.

  • As receitas não-IFRS de software e de serviços relacionados com software cresceram a um ritmo de dois dígitos pelo décimo segundo trimestre consecutivo;
  • As receitas anuais não–IFRS de software e de serviços relacionados com software aumentaram 13% numa taxa de câmbio constante;
  • As receitas anuais não-IFRS de software e de subscrições da Cloud¹ aumentaram 21% para €5 mil milhões (17% a uma taxa de câmbio constante);
  • As soluções inovadoras da SAP contribuíram fortemente para as receitas anuais de software: a solução SAP HANA contribuiu com €392 milhões e as soluções de mobilidade com €222 milhões;
  • As receitas anuais de taxa de operação na Cloud aproximaram-se dos €850 milhões²;
  • O lucro operacional anual não-IFRS cresceu 11% para €5,21 mil milhões (7% para €5,02 mil milhões, a uma taxa de câmbio constante e quando comparado com o intervalo de previsões, €5,05-€5,25 mil milhões).

Destaques do Quarto Trimestre e do Ano de 2012

A SAP registou receitas recorde em 2012. As receitas totais não-IFRS cresceram 14% ano-após-ano e excederam os €16 mil milhões. As receitas anuais não-IFRS de software e de serviços relacionados com software cresceram 17% para €13,2 mil milhões. As receitas anuais não-IFRS de software e de subscrições da cloud cresceram 21% para €5 mil milhões.

A SAP registou um crescimento global muito forte no quarto trimestre de 2012. A empresa atingiu um crescimento das receitas muito acentuado na região Ásia-Pacífico e Japão. Na região da Europa, Médio-Oriente e África, a SAP apresentou resultados surpreendentes à luz da conjuntura incerta e difícil desta região. Nas Américas, a SAP teve receitas de software bastante sólidas considerando a sua comparação com o ano anterior. A SAP registou um crescimento excepcional nas suas áreas-chave de inovação: SAP HANA, Mobilidade e Cloud. A solução SAP HANA alcançou no quarto trimestre receitas de software num valor aproximado a €200 milhões e no valor de €400 milhões se considerarmos o ano na sua totalidade. O negócio de mobilidade contribuiu para a empresa com mais de €220 milhões de receitas de software, tendo atingido o objectivo anual de receitas.

O forte momento da SAP na cloud manteve-se no quarto trimestre de 2012. Derivado das receitas totais dos dois segmentos de cloud para a SAP (Aplicações para a Cloud e Ariba), as receitas anuais de taxa de operação na cloud aproximaram-se dos €850 milhões. Isoladamente, no segmento das aplicações para a cloud, a facturação de subscrições novas para 12 meses e de upsell aumentaram 19 vezes no quarto trimestre. Mesmo incluindo a SuccessFactors no exercício da SAP em 2011, o crescimento é de dígito triplo (102%)³. Considerando a SuccessFactors isoladamente, a facturação de subscrições novas para 12 meses ou de upsell cresceu 95%.

“Em 2012, a SAP habilitou os negócios mais bem geridos a ir ao encontro da procura dos consumidores em tempo real. Investimos na nossa solução bandeira SAP HANA e fortalecemos o melhor portefólio de soluções na cloud existente na indústria. Disponibilizámos soluções verticais, acessíveis em qualquer lugar num dispositivo móvel,” declararam Bill McDermott e Jim Hagemann Snabe, Co-CEOs da SAP. “O desempenho que conseguimos atingir actualmente nunca foi tão forte. Cremos que estamos bastante bem posicionados para atingir os objectivos que estabelecemos para 2015.”

“Atingimos €5 mil milhões nas receitas anuais não-IFRS de software e de subscrições da cloud, ou seja, um aumento de 21%, além de que registámos uma forte contribuição das nossas inovações-chave, SAP HANA e Cloud, ao nível das receitas. Estamos confiantes de que continuaremos a crescer a um ritmo de dois dígitos em 2013 e, como consequência, melhoraremos a nossa rentabilidade,” afirmou Werner Brandt, CFO da SAP.

Perspectivas e Previsões de Negócio

A SAP apresenta as seguintes previsões de negócio para o ano de 2013:

  • A empresa espera que as receitas anuais não-IFRS de software e de subscrições na cloud cresçam dentro de um intervalo de 14% a 20% a uma taxa de câmbio constante (2012: €5 mil milhões). As receitas anuais não-IFRS de subscrições na cloud e de suporte que irão contribuir para este crescimento são esperadas fixarem-se aproximadamente nos €750 milhões numa taxa de câmbio constante (2012: €342 milhões).
  • A empresa espera que as receitas anuais não-IFRS de software e de serviços relacionados com software atinjam um crescimento situado entre 11% e 13% a uma taxa de câmbio constante (2012: €13,25 mil milhões).
  • A empresa estima que o lucro operacional não-IFRS se situe entre os €5,85 e os €5,95 mil milhões a uma taxa de câmbio constante (2012: €5,21 mil milhões).
  • A empresa prevê uma taxa anual de imposto efectiva de 25,5% – 26,5% (IFRS) para 2013 (2012: 26,1%), e uma taxa anual de imposto efectiva de 27,0% – 28,0% (não-IFRS) para 2013 (2012: 27,4%).

1Starting with the reporting for the fourth quarter and full year 2012, SAP has introduced, in the revenue section of its income statement, a new line item “Software & Cloud Subscriptions Revenue” which is the subtotal of the existing line items ‘Software Revenue’ and ‘Cloud Subscriptions and Support Revenue’. The content of the line items included in the subtotal as well as of all other line items in the income statements remain unchanged.

2The annual revenue run rate is derived from the total revenue of SAP’s two cloud segments (Cloud Applications and Ariba) in the fourth quarter of 2012 and includes Ariba (before any future growth). The annual run rate is calculated by taking the fourth quarter cloud division total revenue and multiplying it by 4.

3Q4 2012 year-over-year growth rate in 12 month new and upsell subscription billings which relates to SAP cloud applications business (excluding Ariba). The growth rate is a pro forma growth rate assuming that the acquisition of SuccessFactors was completed as of January 1, 2011. For more information on our non-IFRS billings see Explanation of Non-IFRS Measures online.

FINANCIAL HIGHLIGHTS – Full Year 2012

Full Year 20121)

IFRS

Non-IFRS2)

€ million, unless otherwise stated

FY 2012

FY 2011

% change

FY 2012

FY 2011

% change

% change
const. curr.

Software

4,658

4,107

13

4,658

4,107

13

10

Cloud subscriptions and support

270

18

1,400

342

18

1,839

1,717

Software & cloud subscriptions

4,928

4,125

19

5,000

4,125

21

17

Support

8,236

7,194

14

8,244

7,221

14

10

Software and software-related service revenue

13,164

11,319

16

13,245

11,346

17

13

Total revenue

16,222

14,233

14

16,303

14,260

14

10

Total operating expenses

−12,158

−9,352

30

−11,094

−9,550

16

12

– thereof TomorrowNow litigation

0

717

-100

0

0

0

Operating profit

4,064

4,881

−17

5,209

4,710

11

7

Operating margin (%)

25.1

34.3

−9.2pp

32.0

33.0

−1.0pp

−1.1pp

Profit after tax

2,826

3,439

−18

3,608

3,367

7

Basic earnings per share (€)

2.37

2.89

−18

3.03

2.83

7

Number of employees (FTE)

64,422

55,765

16

N/A

N/A

N/A

N/A

1) All figures are preliminary and unaudited.

2) For a detailed description of SAP’s non-IFRS measures see Explanation of Non-IFRS Measures online. For a breakdown of the individual adjustments see page F8 in the appendix to this press release.

Mais informação sobre estes resultados financeiros está disponível (em inglês) em http://www.sap.com/corporate-en/investors/index.epx.

Tags: