Soccer team in a huddle

SAP no controle do Centro de Operações Rio de Janeiro

27 de Março de 2013 Por SAP Blogs 0

Uma cidade grande gera um enorme volume de dados em tempo real que precisam ser monitorados por profissionais que gerenciem esta informação, transformando-a em resultados eficazes.

Por isso um dos destaques do SAP Forum Brasil foi a apresentação do diretor de tecnologia do Centro de Operações Rio de Janeiro, Alexandre Caderman.

Por isso um dos destaques do SAP Forum Brasil foi a apresentação do diretor de tecnologia do Centro de Operações Rio de Janeiro, Alexandre Caderman, que falou sobre o centro que monitora 24 horas por dia o cotidiano da cidade. São mais de 400 profissionais que, através de 80 telas, monitoram em tempo real as informações obtidas por meio de 560 câmeras instaladas por toda a cidade.

Para que isso seja possível, além do trabalho de planejamento, controle e monitoramento do tráfego da cidade, o centro tem o suporte das ferramentas de BI e mídias sociais da SAP, essenciais para a gestão de grandes volumes de dados.

Estas ferramentas fornecem uma visão geral do mapa da cidade, gerando dados sobre os bairros que possibilitam antecipar ou solucionar problemas. As informações coletadas são analisadas e compartilhadas com mais de 30 outros órgãos, entre eles Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

Além dos recursos da SAP, as redes sociais também estão integradas a este monitoramento. Através delas é possível acompanhar e tomar decisões com base nas menções no Twitter e enviar informação em tempo real à população. “Com o monitoramento do Twitter, conseguimos controlar eventos de trânsito, segurança, obras etc., além de cuidar rapidamente de acidentes”, disse Caderman. Além disso, a solução SAP registra e mantém históricos dos incidentes de trânsito, possibilitando criar relatórios, o que é fundamental para criar um planejamento de tráfego eficiente.

Essa iniciativa permite que qualquer cidadão e imprensa tenha acesso em tempo real a toda esta informação, gerando mais transparência à gestão da cidade. “De nada valem estas informações, se elas não chegarem rapidamente aos cidadãos”, concluiu Caderman.

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta