Chega uma transformação na gestão de dados

16 de Dezembro de 2013 Por SAP Blogs 0

Confiar em dados desatualizados, imprecisos ou inacessíveis pode levar mais facilmente ao fracasso. E os líderes empresariais são cada vez mais conscientes disso. Portanto, aproveitam as vantagens que proporcionam os sistemas de gestão de dados de última geração, como responder o cliente o mais rápido possível, aumentar as margens de lucro, a eficiência e tomar decisões adequadas com o objetivo de aumentar a competitividade.

Os líderes também sabem que as empresas que coletam dados úteis rapidamente e os transformam em informação prática obtêm excelentes resultados. As empresas precisam de plataformas de gestão de dados, que podem dar lógica a uma variedade crescente de sistemas diferentes, desde infraestruturas empresariais até redes sociais.

É animador saber que, de acordo com uma pesquisa do IDG Research Services*, os departamentos de TI estão abertos às mudanças que podem ser necessárias para atingir esta meta. Quando o IDG perguntou aos profissionais de TI, de níveis médio e superior, sobre seus objetivos de gestão de dados, eles destacaram dois pontos principais: gestão de custos e acesso mais amplo a dados em tempo real.

Os resultados não são muito surpreendentes. Claro que o balanço final ainda é a prioridade. Mas os funcionários, provedores e sócios não entendem de problemas de orçamento. Eles só querem informação o mais rápido possível. Já os outros objetivos apontados pelos profissionais de TI foram: oferecer assistência à força de trabalho remota ou móvel, melhorar a capacidade de resposta frente aos clientes, colaborar mais estreitamente com sócios e responder às mudanças de forma ágil.

Então, quais são os maiores desafios para os profissionais de TI quando tentam alcançar estes objetivos?

Novamente, não é nenhuma surpresa que o custo esteja no topo da lista. Mesmo assim, ele vem acompanhado de uma série de problemas, incluindo a qualidade e o volume de dados, a integração dos silos, a inadequação do pessoal e uma série de problemas técnicos como a escalabilidade, a redundância dos dados e a escassa agilidade das consultas e relatórios.

Sem dúvida é este aspecto, junto ao custo total da propriedade, que provoca mais insatisfação com as infraestruturas de dados atuais. Não é de se estranhar que quase metade dos entrevistados planeja avaliar novas soluções nos próximos 12 ou 24 meses.

De fato, 27% querem mudar para uma nova infraestrutura de gestão de dados. O auge dos aplicativos Big Data, a crescente popularidade da solução de aplicativos distribuídos Apache Hadoop, o crescimento dos dados sem estruturação e a necessidade de análise em tempo real têm sido alguns dos catalisadores. E muitas empresas se vêem enfraquecidas por infraestruturas de base de dados antigas que não podem reunir todos os dados.

Claro que existem algumas barreiras para a mudança, mas tudo tem solução. A gestão de dados é, agora, uma solução que pode superar a redução de custos em curto prazo.
Se é assim que funciona, qual seria a melhor solução para a sua empresa?

No caso de empresas que estudam novas soluções de gestão de dados, existem três categorias principais. Cada uma delas com seus prós e contras:

• Pacotes de hardware e software pré-configurados: estão prontos para serem operados, mas podem ser caros e restringir os clientes às soluções de provedores específicos.

• Soluções personalizadas: devem oferecer uma solução altamente específica, mas têm um custo muito elevado e possuem as mesmas contra-indicações em relação aos itens patenteados.

• Plataformas de software integrado: nem sempre estão vinculadas ao hardware específico e podem se expandir e se integrar com facilidade.

Na verdade, a opção do software integrado é o preferido dos entrevistados. Ele coordena bem a gama de produtos da SAP e inclui a plataforma SAP HANA, uma base de dados em memória otimizada que permite ter acesso instantâneo aos dados em tempo real e analisá-los.

A plataforma de dados em tempo real da SAP, que funciona através da plataforma SAP HANA, é um marco de gestão de dados unificados que pode processar, analisar e proporcionar informação completa e exata em tempo real para qualquer aplicativo ou usuário a um custo reduzido e sistemas de TI muito simplificados.

Claro que qualquer grande mudança importante de TI envolve um risco, a modificação ou até mesmo a substituição de sistemas de gestão de dados essenciais. Mesmo assim, é cada vez mais claro que a estratégia mais perigosa é não fazer nada ou forçar que um sistema desatualizado trabalhe além da sua capacidade. É importante saber que tanto empresários como profissionais de TI estão cada vez mais a favor desta mudança.

Saiba mais em www.sap.com/realtime_data.

* Enquete de IDG Research Services a 100 responsáveis de TI de alto nível e 100 de nível médio de uma variedade de setores e uma ampla variedade de tamanhos de empresa (junho de 2012).

Tags: , , ,

Deixe uma resposta