Soccer team in a huddle

Tecnologia para impulsionar o Brasil

20 de Março de 2017 Por SAP Notícias Brasil 69

*Cristina Palmaka

São Paulo, 20 de março de 2017 – Transformação é a palavra-chave para o Brasil para este e os próximos anos. Em todos os segmentos, o cenário é de oportunidades. Se soubermos aproveitar as janelas que estão-se abrindo, sobretudo em setores – e são muitos – que podem ser alavancados pelas inúmeras ferramentas e novidades tecnológicas já disponíveis.

IoT, Nuvem, Inteligência Artificial, Machine Learning e Blockchain são temas que já dominam a cena mundial, constituindo, para aqueles conectados com a jornada digital, tendências definitivas para o desenvolvimento de produtos e serviços. Superavançadas e inovadoras, essas tecnologias estão quebrando barreiras dos setores mais resistentes graças a resultados rápidos e concretos que impulsionam velozmente os resultados econômicos das mais diversas áreas de negócios, públicos e privados.

Nesse cenário de mudanças, a Internet das Coisas é um dos exemplos que retratam à perfeição  a rápida obtenção de  resultados tangíveis: Agricultura, Saúde, Transportes, Portos, e mesmo a prevenção de enchentes em grandes cidades são apenas alguns dos segmentos que já se beneficiaram dessa tecnologia, aliada a soluções analíticas e de big data. Um sucesso que promete crescimento exponencial, tanto que recente estudo do Gartner aponta para a existência, até 2020, de mais de 26 bilhões de sensores conectados no mundo. Ou seja, em poucos anos, não só as empresas, para que entrem em um ciclo virtuoso de expansão, mas o cotidiano das pessoas terá sido definitivamente impactado por essa tecnologia.

No Brasil, a onda tecnológica ainda não atingiu todo o seu potencial, mas tem alcançado setores fundamentais para o desenvolvimento econômico, como o da Agricultura, cujos resultados comprovam largamente os benefícios dos investimentos direcionados à transformação digital. A evolução tecnológica do Agronegócio, que está abraçando modernos sistemas baseados em plataformas disruptivas como Internet das Coisas, Big Data e Analytics, hospedadas cada vez mais na Nuvem, onde usufruem de segurança, rapidez e flexibilidade, tem gerado alta competitividade e crescimento econômico, proporcionando um significativo impacto social.

Apenas para o binômio 2016/2017, levantamento dos órgãos competentes, como a Conab, aponta para um crescimento de 15,6% em relação ao período anterior, ou em números absolutos 210,9 a 215,1 milhões de toneladas de grãos. Essa jornada do Agronegócio, já com suporte digital,  contribui, inclusive, para fomentar um ciclo virtuoso, gerando mais novidades e negócios, como startups que desenvolvem e oferecem soluções vinculadas ao conceito de agricultura 4.0. Exemplos criativos e produtivos são os sistemas que monitoram em tempo real todas as etapas do trabalho no campo, gerando mais produtividade e  melhor gestão das propriedades – e que já despertam o interesse de outros países.

É esse impacto direto e positivo na sociedade como um todo que os atores públicos e privados, que se ocupam seja da formulação de políticas, do desenvolvimento ou da implementação de novas tecnologias, precisam ter em mente. Sobretudo porque estudos já comprovam que o uso mais intensivo de tecnologias digitais pode representar um significativo acréscimo ao PIB das economias globais – no caso brasileiro, de cerca de 97 bilhões de dólares até 2020, ou um aumento anual de 0,5% sobre o crescimento projetado. Resultados fundamentais para alavancar o crescimento que todos desejamos para o País.

Você está preparado para as soluções tecnológicas que o Brasil precisa?

*Cristina Palmaka é presidente da SAP Brasil

Tags: , , , , , , , ,

Deixe uma resposta