Soccer team in a huddle

Segundo dia do SAP Forum Brasil – reimagine seus negócios na Economia Digital

13 de Setembro de 2017 Por Ivy Leça 59

No último dia da 21ª edição do SAP Forum Brasil tivemos muito mais conteúdo, informação e experiências sobre como reimaginar o futuro dos negócios na Economia Digital.

Jaime Muller, Vice-Presidente Senior de Vendas da SAP Brasil, abriu o segundo dia do evento relembrando os melhores momentos do primeiro dia e falando sobre o que ainda estava por vir.

“A SAP sempre entendeu que a indústria é um idioma a ser traduzido”, afirmou Pat Bakey, presidente de SAP Industries. Bakey convidou Ney Santos, da BRF, e Matthieu Grymonprez, da Leroy Merlin Brazil, ambos clientes da SAP, para compartilharem como suas empresas estão criando valor com as oportunidades oferecidas pela Transformação Digital. Ney Santos contou sobre como novas tecnologias estão ajudando a resolver antigos problemas: “Com IoT, qualquer ajuste é feito em tempo real, trazendo mais eficiência para toda a cadeia”. “No varejo, não podemos mais separar o mundo físico do digital”, afirmou Matthieu ao falar de como as mudanças no mundo estão nos fazendo reimaginar os processos, e acrescentou: “A mobilidade te força a repensar seu negócio”.

Em seguida, Iuri Miranda e Leonam Baretta, do Burger King, subiram ao palco para contar como estão “transformando tecnologia em ação estratégica”. Leonam explicou como surgiu o interesse da empresa em criar um projeto de Internet das Coisas: “Ao ver um case da SAP com uma empresa de trens [o case da SAP com a Trenitalia], nós nos inspiramos a usar IoT em nossos restaurantes”, disse. Iuri concluiu que o fator humano ainda é o principal guia para qualquer organização. “A tecnologia em si não é o disruptor, não entender o cliente é”, afirmou.

Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil, voltou ao palco do segundo dia com Flávio Pripas, Diretor Executivo do CUBO, para falar sobre a mudança de mercado com a ascensão das startups e das PMEs na Economia Digital. “Startup, no nosso ponto de vista, é uma empresa que resolve problemas reais, do mundo real e com potencial de escala”, ele explicou. Pripas também falou da importância dos espaços criados para fazer as pessoas reimaginarem o mundo. “Imagine quanto valor podemos gerar com uma grande densidade de pessoas buscando a transformação do mercado”.

E as surpresas do SAP Forum não param. Os visitantes do evento assistiram ao vivo três empreendedores apresentando seus projetos e tentando negociar com os “sharks”, os tubarões do Shark Tank Brasil, da Sony. Os apresentadores do programa, Cristiana Arcangeli, da Beauty’in; João Appolinário, da Polishop; Camila Farani, da Gávea Angels e Caito Maita, da Chilli Beans, mostraram toda sua habilidade para identificar excelentes oportunidades de negócio e chances de investimento ruins.

A parte da tarde também teve diversos destaques de conteúdo:

Beia Carvalho, palestrante e futurista, bateu um papo com José Ricardo Amaro, da Endered do Brasil; Eliane De Mitry, da SAP e Niarchos Pombo, Head de Diversidade e Inclusão para América Latina e Caribe da SAP. Eles falaram sobre o papel dos líderes no desenvolvimento da diversidade e inclusão nas organizações e afirmaram que a diversidade na força de trabalho não é algo que deve ser buscado como marketing da empresa. Na realidade, é uma necessidade nas organizações, necessidade essa que beneficia a empresa, os colaboradores, o ecossistema e toda a sociedade.

Para explicar com detalhes o projeto de Internet das Coisas desenvolvido para o Burger King, Lucas Escouto, da SAP, e Leonam Baretta, do Burger King, apresentaram todo o processo de planejamento do projeto. Em quatro semanas, foi desenvolvido um protótipo com SAP Leonardo que revolucionou a operação de manutenção nos 500 restaurantes da rede.

Outro caso de sucesso que foi destaque durante o evento foi o case AEGEA, que mostrou como as tecnologias de IoT e Machine Learning estão aprimorando o abastecimento de água. Dan Ramon Ribeiro, da AEGEA, e Daniel Duarte, do SAP Labs Latin America, explicaram como modelaram o cenário da empresa com Machine Learning para prever situações críticas, receber sugestões e realizar simulações para melhorar a tomada de decisão.

Encerrando o dia, Flávia Gamonar, professora, palestrante e consultora de marketing, falou sobre a transformação digital que precisamos fazer hoje para nos tornarmos os profissionais do futuro. Gamonar lembrou que a automação substituirá parte do trabalho humano e as funções restantes serão cognitivas e não repetitivas, e em cinco anos existirão profissões que nem sequer imaginamos agora.

Agradecemos a todos que estiveram presentes no SAP Forum Brasil este ano, compartilhando conhecimento e fortalecendo nosso ecossistema.

Você está pronto para reimaginar seus negócios na Economia Digital? Continue acompanhando as tendências para identificar oportunidades e saber como conduzir seus negócios no futuro, e siga a SAP Brasil nas redes sociais: WhatsApp / Facebook / Twitter / Instagram.

Tags: , ,

Deixe uma resposta