O poder do marketing de influência

O marketing de influenciadores resistiu a certa descrença dos profissionais do mercado e hoje vive seu apogeu, indo além de estrelas do YouTube comentando sobre um novo produto. Bons influenciadores não são vistos como produtores de comerciais, eles são especialistas em suas áreas, detentores de conhecimento e uma fonte segura de informação para seus seguidores.

O marketing de influência ganhou força também no setor de tecnologia, que sempre foi uma comunidade muito colaborativa. Em uma entrevista à Forbes, Amisha Gandhi, head do Global Influencer Marketing Program da SAP, compartilhou como a SAP se alia a especialistas, autores influentes, acadêmicos e consultores de negócios para prover conteúdo relevante e atrativo para diferentes linhas de negócio.

Entre as principais ações do programa de marketing de influenciadores da empresa estão os eventos e conferências onde os influenciadores têm a oportunidade de acompanhar as novidades, conversar com especialistas de soluções e outros profissionais de suas áreas. O importante nesses casos é que os influenciadores não estão fazendo um trabalho de assessoria, eles realmente participam do evento: entrevistam palestrantes ao vivo, geram insights em conjunto com eles e oferecem seu próprio ponto de vista, tornando o conteúdo muito mais rico e interessante. Com isso, os influenciadores geram, em média, 17% das discussões online sobre os eventos da SAP.

Amisha Gandhi comentou sobre o case do lançamento de SAP Leonardo durante o SAPPHIRE NOW, na Alemanha, no qual estavam presentes 1.500 clientes e cinco influenciadores globais como palestrantes do evento. Apenas esses cinco influenciadores geraram 50% de todo tráfego em redes sociais, alcançando os trending topics no país com impacto imediato.

No artigo How SAP Drives Digital Transformation with Influencer Marketing, Jordan Feise apresenta cinco dicas de especialistas para iniciar o seu programa de influenciadores:

  1. Atinja os influenciadores corretos

Ao selecionar seus influenciadores, lembre-se de que a relevância é o principal. Observe o conteúdo, o público e a comunicação do seu influenciador.

  1. Faça uma abordagem equilibrada

Os orçamentos de marketing de influência têm três pontos principais: tecnologia, recursos e custos com influenciadores. Compreenda seu estágio atual do programa e ajuste seu orçamento.

  1. Mire no pequeno

Comece com um único objetivo em torno de uma iniciativa e envolva apenas alguns influenciadores estratégicos, mas faça isso com muita energia.

  1. Ouça seus influenciadores

Eles são mestres em posicionamento e social branding. Crie um caminho livre para receber feedbacks inesperados e naturais desse relacionamento.

  1. Pense em longo prazo

Defina metas razoáveis ​​em torno de seus esforços de marketing de influenciadores e não espere que milagres aconteçam da noite para o dia. Construir relacionamentos significativos leva tempo.

Sua empresa está se dedicando ao marketing de influência? Compartilhe seus insights sobre o assunto conosco, nos comentários ou nas redes sociais da SAP: Facebook / Twitter / Instagram / LinkedIn.