Como a tecnologia pode ajudar a combater a crise da poluição

O combate à poluição em nosso ambiente ganhou uma aliada importantíssima: a tecnologia. O uso de ferramentas tecnológicas está ganhando destaque e contribuindo para um mundo mais limpo.

 

A poluição é um dos protagonistas quando o assunto é meio ambiente. A pressão para diminuir o consumo de materiais e compostos poluentes está cada vez maior e ganhou a tecnologia como aliada para a elaboração de experimentos e pesquisas sobre o assunto. Listamos algumas iniciativas:

  • Pesquisadores da Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, descobriram um polímero resistente, durável e similar ao plástico. O polímero é composto por moléculas que podem ser quimicamente recicladas e transformadas novamente em plástico, contribuindo para o que chamamos de economia circular;
  • A startup norte-americana Full Cycle Bioplastics está unindo resíduos plásticos a lixos orgânicos para gerar combustíveis que substituam derivados do petróleo. Além dos combustíveis, essa mistura também pode resultar em vários tipos de plásticos, solúveis em água marinha;
  • A startup Spawnfoam, sediada no Parque de Ciências e Tecnologia de Vila Real, está desenvolvendo bicompósitos naturais com subprodutos da agricultura e resíduos agroflorestais para a substituição do plástico e materiais derivados de combustíveis fósseis. Estão em testes placas para isolamento térmico, acústico e vibratório, destinadas à construção civil, enchimento para embalagens e vasos para transplantação de árvores;
  • Um grupo de estudantes da Universidade de Santiago desenvolveu o poliácido lático, embalagem de plástico biodegradável com resíduos de alcachofra, que se decompõe em 4/5 meses. O mesmo grupo também descobriu outro tipo de bioplástico chamado Skålen, ao qual também mesclaram resíduos de alcachofra, criando um material capaz se dissolver em contato com a água;
  • Originado de um projeto acadêmico, a Selletiva desenvolveu um processo de acompanhamento das movimentações de resíduos e geradores, que passa pelas transportadoras, empresas de reciclagem e aterros sanitários, fazendo o mapeamento para detectar se os resíduos estão sendo descartados nos locais adequados e credenciados. Além disso, a tecnologia também integra funcionalidades de gestão e controle de resíduos para os principais agentes da logística reversa. Todo o monitoramento pode ser feito por computadores, celulares ou tablets;
  • Os transportes movidos por energia elétrica também auxiliam no processo de despoluição do ambiente. Os carros elétricos diminuem a emissão de gases que contribuem para o efeito estufa e para a poluição do ar e já estão disponíveis no mercado;
  • Tabelas inteligentes já estão sendo utilizadas como forma de monitoramento e gerenciamento do consumo de energia. A análise de dados detecta e reage a mudanças locais no uso;
  • A energia eólica, embora pouco utilizada, é uma dos recursos de geração de energia mais inteligente e sustentável. Gerada com a força do vento por meio de turbinas em locais aberto, é considerada uma fonte de energia limpa. Para tornar esse procedimento mais simples e reduzir custos, a SAP, em parceria com a Vestas, criou uma ferramenta digital que padroniza o planejamento do local e fornece dados em tempo real para gerentes de construção. Além de baratear e otimizar o processo, a ferramenta incentiva empresas a investirem no método, levando energia limpa para diversos lugares.

O avanço diário da tecnologia só tem a contribuir para a despoluição do nosso planeta e para a criação de novas ferramentas que auxiliem nesse processo. Mas, hoje, quais formas e recursos você utiliza para contribuir para um mundo mais limpo? Compartilhe conosco!

Confira nosso artigo sobre como a IoT pode melhorar a qualidade de vida nas cidades.

 

Acesse as redes sociais da SAP: Facebook Twitter LinkedIn Instagram / WhatsApp

© 2018 SAP SE. All rights reserved. SAP and other SAP products and services mentioned herein as well as their respective logos are trademarks or registered trademarks of SAP SE in Germany and other countries. Please see http://www.sap.com/corporate-en/legal/copyright/index.epx#trademark for additional trademark information and notices.