Os especialistas do futuro

Por: Theo Pappas

Cientistas de dados, consultores online, gerentes de comunidades, cirurgiões remotos, analistas de Big Data, são apenas algumas das novas profissões que sua empresa precisa conhecer.

É provável que cerca de 50% das crianças que ingressam, hoje, na escola primária irão exercer profissões em áreas que ainda não existem.

Embora esse número seja difícil de acreditar (e ainda mais difícil de verificar), é irrefutável que a natureza da força de trabalho esteja mudando. Segundo um relatório da McKinsey, cerca de 60% de todas as ocupações em pelo menos um terço das atividades produtivas poderiam ser automatizadas nos próximos anos. As tecnologias inteligentes e o aprendizado de máquina substituirão tarefas repetitivas, mundanas e trabalhosas. A transformação digital do local de trabalho por meio de processos automatizados significa que o erro humano será minimizado e os recursos necessários para essas funções serão bastante reduzidos. Ao liberar tempo e pessoal, as empresas poderão desbloquear todos os seus funcionários e treinar as equipes de trabalho para concentrá-las em um trabalho mais estratégico, que contribua para o desenvolvimento geral da empresa e dos negócios.

O que uma organização precisa para ser mais inteligente, rápida, colaborativa e inovadora? Como tirar proveito da automação, competir e oferecer experiências únicas?

Hoje, a natureza de uma organização e de seus funcionários precisa se adaptar a ambientes mais colaborativos e deve levar em consideração questões críticas, como:

  • Tendências digitais que incluem, entre outras coisas, dados, nuvem social e conexão móvel.
  • Uma força de trabalho multigeracional que inclui os millennials e os cidadãos digitais de primeira geração.
  • Mesclar o trabalho e a vida dos funcionários, cada vez mais conectados.
  • Modelos de negócios que operam sob estresse marcado pelo surgimento do digital nos hábitos de consumo e estilo de vida das pessoas.

Atualmente, a mudança do papel da tecnologia no espaço de trabalho facilita uma maior colaboração por meio de plataformas e recursos online. Da maior capacidade de trabalhar remotamente ao aumento de habilidades especializadas e desenvolvimento de novas funções dentro dos negócios. No passado, os empregadores avaliavam os candidatos com base em sua capacidade de se adaptar ao trabalho. Hoje, a individualidade dá o tom, pois cada elemento da singularidade agrega valor ao dinamismo da força de trabalho.

Para atrair e reter esses colaboradores valiosos, as empresas devem reconhecer a importância de olhar para fora de seus setores específicos. É possível que as pessoas mais criativas e inovadoras nunca tenham considerado – por exemplo, o setor industrial como um objetivo para o próximo emprego – para que as empresas estejam mais conscientes da vantagem competitiva que a diversidade traz. As organizações devem investir na diversidade por meio de grupos educativos e sociais que apoiam minorias, mulheres e grupos que ainda não conhecemos. Gerentes e líderes devem estar mais conscientes do que motiva a decisão de contratação e revisar os velhos hábitos que impedem a diversidade.

O futuro do trabalho será definido pelos funcionários que encontrarem um propósito de vida em seus empregos e, ao mesmo tempo, as empresas terão que treinar seus funcionários para criar uma cultura de inovação, diversidade e bem-estar.

Para saber mais as profissões do futuro, visite nossas redes sociais: Facebook Twitter LinkedIn Instagram / WhatsApp / Youtube

© 2019 SAP SE. All rights reserved. SAP and other SAP products and services mentioned herein as well as their respective logos are trademarks or registered trademarks of SAP SE in Germany and other countries. Please see http://www.sap.com/corporate-en/legal/copyright/index.epx#trademark for additional trademark information and notices.