Dia da Saúde Mental: SAP oferece aos funcionários um dia para recarregar as energias

Feriado corporativo no dia 27 de abril é um incentivo para que todos os mais de 100 mil colaboradores da SAP dediquem tempo a atividades que tragam bem estar e convívio com as famílias

 

A SAP vai oferecer um dia de licença remunerada dedicada à saúde mental dos colaboradores. O objetivo é propor uma pausa na terça-feira, 27 de abril, para que todos os funcionários, espalhados por dezenas de países possam recarregar as energias se distanciando de suas rotinas profissionais.

A SAP resolveu implementar a licença remunerada quando constatou que um terço de seus funcionários estava passando por níveis de estresse superiores aos níveis de satisfação no trabalho. O levantamento é parte de estatísticias globais, resultados de recentes pesquisas com funcionários realizadas a partir da ferramenta de monitoramento da experiência do colaborador, SAP Qualtrics Remote Work Pulse. Os dados internos corroboram recente estudo divulgado durante o Fórum Econômico Mundial (World Economic Forum) que apontou que um em cada três adultos apresentam quadros de depressão ou de ansiedade em decorrência da crise da Covid-19.

“Globalmente, por meio dos comitês de crise, identificamos maior necessidade de pausas em função nas mudanças impostas pela pandemia. O dia da saúde mental é um incentivo para que todos os colaboradores dediquem o dia para fazer algo que traga bem estar e tempo de convivência com a família”, explica Fernanda Saraiva, diretora de RH da SAP Brasil.

Segundo Fernanda, também é uma mensagem clara sobre a necessidade de realizar um balanceamento saudável entre a vida pessoal e profissional e esse equilíbrio se faz ainda mais necessário diante de um momento desafiador como o atual. “É um alerta para a importância de estar atento à saúde mental e reforçar a necessidade de falar abertamente sobre o tema no ambiente corporativo, sem estigmas e pré-julgamentos”, completa.