Semana de 4 dias: quais são os benefícios para empresa e colaboradores?

O novo modelo de trabalho com semana de 4 dias pode melhorar o bem-estar do colaborador, proteger o meio ambiente e ainda aumentar a receita.

A semana de cinco dias, que foi instaurada há mais de um século, tem tido sua eficiência questionada. O novo modelo que está sendo testado, onde a carga horária é reduzida para uma semana de 4 dias, sem a redução do salário, tem mostrado resultados promissores. Uma pesquisa recente aponta que 74% dos trabalhadores acreditam que podem ser mais produtivos em uma semana mais curta. No Brasil, as companhias que optaram por instituir a nova jornada de trabalho já estão vendo as melhorias na retenção de talentos e no aumento das receitas.

A proposta da semana de quatro dias é proporcionar, simultaneamente, o bem estar do trabalhador, melhorar a economia e ainda proteger o meio ambiente. O modelo reduz a carga horária de 40 horas para 32 horas semanais e, para ter êxito, exige um planejamento prévio de acordo com a legislação trabalhista, além de uma excelente gestão de pessoas e negócios com revisão frequente dos resultados. A ideia do novo modelo de trabalho é que o trabalhador receba 100% do salário em troca de 80% do tempo de trabalho, mas com 100% de sua produtividade.

Veja quais são os principais benefícios da semana de 4 dias:

Bem-estar humano: trabalhadores apontam que, ao terem a jornada diminuída, tiveram melhorias significativas em sua saúde física e mental, além de estarem mais felizes e descansados, equilibrando melhor o trabalho com a vida pessoal. Com isso, além de melhorar a produtividade, a rotatividade dos funcionários passou a ser menor com um pool de candidatos de maior qualidade.

Melhorias econômicas: as empresas que adotaram a nova jornada de trabalho de quatro dias têm notado um aumento no lucro, isso porque, mais descansados, os trabalhadores investem mais energia nos projetos e aumentam a produtividade, impactando positivamente a receita.

Modelo de trabalho mais sustentável: uma mudança para o modelo de trabalho de quatro dias deve reduzir as emissões de carbono em aproximadamente um quinto, devido à redução do tempo de deslocamento e do uso de energia nos edifícios corporativos. Além disso, a professora Juliet Schor afirma que, quando possuem tempo, é comum que as pessoas invistam em uma pegada mais sustentável.

Igualdade de gênero: o modelo permite que haja uma melhor distribuição das responsabilidades de cuidado entre homens e mulheres. Isso pode ajudar a remover barreiras, permitindo que mulheres possam alcançar cargos de liderança e buscar oportunidades de especializações e treinamentos.

A diminuição da carga horária se mostrou uma excelente estratégia para retenção de talentos. Neste momento em que o mercado tem sofrido com a falta de profissionais qualificados em diversos setores, oferecer o benefício de mais descanso e melhor qualidade de vida permite que organizações possam competir com outras que, mesmo com salários mais atrativos, ainda estão utilizando o modelo de cinco dias de trabalho. Com ferramentas que oferecem mais agilidade, é possível reorganizar os processos internos para que estejam de acordo com a nova proposta e mensurar seus resultados. Conheça as soluções da SAP para a gestão da experiência dos colaboradores e comece a transformação na sua empresa.

Acompanhe mais novidades nos canais de comunicação da SAP:  Facebook Twitter LinkedIn Instagram / YouTube

© 2022 SAP SE. All rights reserved. SAP and other SAP products and services mentioned herein as well as their respective logos are trademarks or registered trademarks of SAP SE in Germany and other countries. Please see http://www.sap.com/corporate-en/legal/copyright/index.epx#trademark for additional trademark information and notices.