SAP e Socialab anunciam nova edição de competição de empreendedorismo social e ambiental na América Latina

Com inscrições abertas até 13 de julho, o Social Innomarathon 2021 é destinado a startups latino-americanas que contribuam para o cumprimento de determinados Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, da ONU

A SAP, em parceria com o Socialab, anuncia a nova edição da Social Innomarathon, competição regional que busca promover o empreendedorismo na América Latina com foco na solução de problemas sociais ou ambientais por meio de modelos de negócios sustentáveis ​​que utilizam tecnologias, ferramentas digitais ou gestão de dados de forma inovadora.

Este ano o desafio é voltado para projetos latino-americanos que, por meio da inovação aberta, contribuam para o cumprimento de um dos seguintes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), da ONU: Fim da pobreza; Fome Zero; Educação de Qualidade; Trabalho Decente e Crescimento econômico das comunidades.

A iniciativa busca empreendimentos que tenham uma visão clara de crescimento e sustentabilidade de longo prazo em seus negócios. Alguns dos requisitos que os projetos inscritos devem atender são: ter um produto ou serviço no mercado que seja comercializado de forma recorrente há pelo menos seis meses; atuar em um país da América Latina; e contar com, pelo menos, uma pessoa dedicada em tempo integral aos projetos e que receba remuneração.

“Mais do que sermos sustentáveis, a SAP atua para habilitar a sustentabilidade de empresas de variados segmentos do mercado. Entendemos que a tecnologia é uma ferramenta capaz de fazer o mundo funcionar melhor e de levar mais oportunidades à sociedade. Essa competição saudável entre startups visa justamente revelarmos o que há de mais inovador e transformador, e os impactos dessas soluções em termos ambientais e sociais”, afirma Matheus Souza, Chief Digital Transformation Officer do SAP Labs Latin America.

As inscrições são gratuitas e estão abertas até 13 de julho. Posteriormente, os projetos serão avaliados, e 20 deles serão selecionados para a etapa de aprofundamento. Nessa fase, os trabalhos terão suas potencialidades analisadas em conjunto com mentores. Na sequência, 12 finalistas serão escolhidos para participar, em novembro, de um encontro de aceleração, treinamento e inspiração.

A startup vencedora receberá um prêmio de US$ 6 mil para investir em seu projeto, além de acompanhamento personalizado de um consultor do SAP Labs por um ano. O objetivo da assessoria é fortalecer o projeto e ampliar as chances da vencedora de se tornar um dos parceiros da SAP, possibilitando conectar-se com mais de 400 mil clientes da empresa no mundo. A Socialab também oferecerá apoio para que o modelo de negócios da vencedora seja ‘Hippietalista’, ou seja, que a empresa possa gerar lucro financeiro e impacto socioambiental simultaneamente.

Nas edições anteriores, os projetos vencedores foram:

  • 2017 – Bikelite (Chile): solução para que ciclistas utilizando GPS criem rotas seguras para evitar acidentes e situações como roubo ou ruas em más condições.
  • 2018 – Ecolones (Costa Rica): rede de pessoas que reciclam e trocam resíduos por criptomoedas para uso em lojas.
  • 2019 – Nilus (Argentina): plataforma que conecta empresas de alimentos com produtos prestes a serem descartados com cozinhas populares.
  • 2020 –  Safe Drinking Water For All – SDW (Brasil), startup concentrada em promover a democratização do acesso à água potável e ao saneamento básico nas comunidades mais carentes por meio de soluções inovadoras.

As inscrições podem ser feitas em Social Innomarathon.