A transformação do setor de marketing com a Covid-19

A pandemia transformou o mundo e forma como vivemos e trabalhamos. Grande parte – se não a maioria – dos setores enxergaram mudanças significativas em seus mercados e tiveram que se adaptar para criar conexões humanas e duradouras.

Assim como em muitas indústrias, o período de recessão e seus impactos ocasionou em diversas mudanças no setor de marketing. No “novo normal”, os profissionais da área tiveram que agir de forma mais ágil para responder a todo e qualquer tipo de situação, lidando diariamente com o imprevisível.

Com o home office, o uso constante de telas, aplicativos e outros canais de entretenimento, os marketeiros passaram a apostar em novas estratégias, que levassem em consideração o novo “estilo de vida” dos consumidores e, ainda, trouxesse inovação e personalização para cada um. Tudo o que foi trabalhado anteriormente teve que ser reformulado e adequado ao novo cenário.

Com isso, surgiram novas tendências que, ao que tudo indica, revolucionarão o mundo do marketing agora e nos próximos anos. Confira!

  1. Metaverso

Em resumo, metaverso é o termo utilizado para indicar um mundo virtual que tenta replicar a realidade por meio de dispositivos digitais – uma espécie de espaço coletivo e virtual compartilhado. Durante o período de isolamento social, essa foi a alternativa que empresas e pessoas encontraram para continuarem interagindo entre si, seja para o trabalho ou para o lazer, o que possibilitou aos profissionais de marketing pensarem em campanhas que chamem a atenção em um mundo cada vez mais online.

  1. Conexão humana

Empatia, cordialidade e personalização já estavam em evidência. Com a chegada da pandemia, essas emoções passaram a ser o diferencial das marcas favoritas no mercado. Com elas, a autenticidade e a responsabilidade social formaram um combo do que os consumidores mais procuram no momento de adquirir um produto ou serviço. A equipe de marketing que encontrar o equilíbrio entre a conexão humana e estratégias empresariais em suas abordagens, sem que soe “forçado ou “exagerado”, conquistará a fidelidade do público.

  1. Influenciadores digitais

O uso das redes sociais tornou-se ainda mais frequente durante o período de isolamento. Com isso, os influenciadores digitais, que já estavam em ascensão, ganharam ainda mais reconhecimento e relevância, o que acendeu uma luz de atenção para as organizações. A confiança e a influência que essas pessoas possuem são capazes de movimentar e aumentar o relacionamento entre consumidores e marcas, ao mesmo tempo em que fazem isso de maneira “natural”, fora do tradicional corporativo que tanto incomodava anteriormente. Atualmente, se uma empresa quer se tornar conhecida e alcançar determinados públicos-alvo, é indispensável a contratação de um influencer. Essa tendência seguirá forte nos próximos anos.

Um dos principais aprendizados que o setor de marketing obteve neste período foi que os profissionais da área devem estar 100% atentos à todas as tendências e mudanças que ocorrem no cenário. Isso possibilitará que as organizações entendam melhor o mercado e, mais importante ainda, os desejos, as necessidades e os anseios dos consumidores. Neste propósito, a tecnologia é essencial! Visite o site da SAP e conheça as soluções inteligentes para o setor.

Acompanhe mais novidades nos canais de comunicação da SAP:  Facebook Twitter LinkedIn Instagram / YouTube

© 2022 SAP SE. All rights reserved. SAP and other SAP products and services mentioned herein as well as their respective logos are trademarks or registered trademarks of SAP SE in Germany and other countries. Please see http://www.sap.com/corporate-en/legal/copyright/index.epx#trademark for additional trademark information and notices.